Âncora: Katia Biaia, Chefe da Assessoria de Comunicação do CRA-RJ.

Entrevistada:  Adriana Vale Mota, Consultora do IBAM, Socióloga e Espe ta na área de política de gêneros.

Participante: Mara Darcy Biasi Ferrari Pinto, Assessora de Projetos Especiais do IBAM.

Tema: “Violência contra as mulheres que deve ser sempre transversal às estratégias de ação municipal. Em agosto se comemora, também o 6° aniversário da promulgação da lei Maria da Penha.”

Assuntos:
– O que é a violência contra as mulheres?
– Nesses 6 anos, Quais foram os avanços da lei 11.340/06, a Lei Maria da Penha ?
– Qual a diferença entre violência doméstica e a violência contra a mulher?
– A lei se aplica a violência doméstica?
– Existem informações estatísticas sobre este assunto?
– Já existe uma consciência de que a violência não é só física?
– Como devem os Municípios se organizar para que esta lei, de fato seja atendida?
– Como conseguir recursos para estruturarem as suas redes de atenção às mulheres?
– Como o estado pode apoiar as ações municipais de combate à violência contra a mulher?
– Fala sobre a Campanha Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha.
– Uma Duvida: A mulher pode fazer a denuncia ou alguém pode fazer a denuncia por ela?
– Em ano de eleição, o que se deve ficar atento neste contexto?